quinta-feira, outubro 13, 2011

addictive

de vez em quando bate uma saudade
que chega a ser uma dor física
um vício estranho

domingo, setembro 11, 2011

Cause lovers dance when they're feeling in love...

Do you hear that, love?
They're playing our song.
Do you think we're ready?
Oh I'm really feeling it.
Do you hear that, love?
Do you hear that, love?

segunda-feira, setembro 05, 2011

felicidade

e a verdade é que eu sou feliz! aqui, lá! em qualquer lugar eu sou feliz!
e mesmo que a vida surpreenda de segundo em segundo, mudando tudo e trazendo um vendaval, eu, você, todo mundo. eu vou continuar sendo feliz. você vai continuar sendo feliz. todos nós vamos continuar sendo felizes. a felicidade não existe sem a tristeza, sem a dor. e com a dor pode-se reconhecer os momentos de alegria. por isso sempre somos felizes. ser feliz não é estar feliz. ser feliz é ser feliz. sempre sabemos que a alegria ta logo ali na frente, depois daquele punhado de dor, esperando para nos completar. para te completar. para me completar.
é, é por isso que eu sou feliz.
é, eu sou.

segunda-feira, agosto 15, 2011

palavras

Se hoje eu sou estrela
Amanhã já se apagou
Se hoje eu te odeio
Amanhã lhe tenho amor
Lhe tenho amor
Lhe tenho horror
Lhe faço amor
Eu sou um ator
É chato chegar
A um objetivo num instante
Eu quero viver
Nessa metamorfose ambulante
Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo
Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo
Sobre o que é o amor
Sobre o que eu nem sei quem sou

domingo, maio 08, 2011

Thanks mom!

Never Grow Up - Taylor Swift

Your little hands wrapped around my finger
And it's so quiet in the world tonight
Your little eyelids flutter cause you're dreaming
So I tuck you in and turn on your favorite nightlight

To you, everything's funny
You got nothing to regret
I'd give all I have, honey
If you could stay like that

Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
Just stay this little
Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
It could stay this simple
I won't let nobody hurt you
Won't let no one break your heart
No one will desert you
Just try to never grow up
Never grow up

You're in the car on the way to the movies
And you're mortified your mama's dropping you off
At 14, there's just so much you can't do
And you can't wait to move out
Someday and call your own shots

But don't make her drop you off around the block
Remember she's getting older too
And don't lose the way that you dance around in your
PJs getting ready for school

Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
Just stay this little
Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
It could stay this simple
No one's ever burned you
Nothing's ever left you scared
Even though you want to, just try to never grow up

Take pictures in your mind of your childhood room
Memorize what is sounded like what your dad gets home
Remember the footsteps, remember the words said
And all your little brother's favorite songs
I just realized everything I had is someday gonna be gone

So here I am in my new apartment
In a big city, they just dropped me off
It's so much colder than I thought it would be
So I tuck myself in and turn my nightlight on

Wish I'd never grown up
I wish I'd never grown up
Oh I don't wanna grow up
Wish I'd never grown up
Could still be little
Oh I don't wanna grow up
Wish I'd never grown up
It could still be simple

Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
Just stay this little
Oh darling don't you ever grow up, don't you ever grow up
It could stay this simple
Won't let nobody hurt you
Won't let no one break your heart
And even though you want to, please try to never grow up
Don't you ever grow up
Just never grow up


FELIZ DIA DAS MÃES!

sexta-feira, abril 29, 2011

Obrigada.

Hoje (ontem) foi o niver da minha SUPER amiga irmã (L) @livialgurgel ! E é óbvio que eu prestaria alguma homenagem a ela, mesmo que seja dessa forma tão simples. :)
Minha amizade com essa menina não tem preço, é simples. Tudo começou há, sei lá, uns 5 anos atrás .. quando éramos, não só loucas, mas fanáticas pela banda RBD.. e formamos um grupo virtual tão grande e a gente super se entendia e acreditávamos na nossa amizade forever. Pois bem, o tempo passa e nem tudo fica como era né? Então, nem a amizade. Depois de algumas confusões e também devido ao destino.. esse grupo 'acabou'. Algo assim. Porém, eu fui MUITO beneficiada com a amizade de 4 pessoas especiais: Livinha, Leka, Lilih e Tatah (a bastarda dos L's). E essas são minhas melhores (L).
Muita gente não acreditou na amizade da gente, mas a forma que nos conhecemos foi especial.. apenas pela net. 5 anos depois já nos vimos pessoalmente, já passamos férias uma na casa da outra. Duas estudam até juntas c.c e mesmo depois de trancos e barrancos, continuamos aqui óh: firmes e fortes e unidas. E eu só agradeço por isso.
A gente nunca sabe pra onde a vida vai nos levar, né ? Mas é bom deixar ela nos guiar, sem nenhum roteiro...

Já não é mais dia 29 e você não vai ver isso tão cedo, mas eu só queria lhe repetir tudo que falei esses anos todos: obrigada por ser minha amiga e estar comigo todo esse tempo. É maravilhoso poder dizer que uma pessoa como você é minha amiga., é maravilhoso poder contar com sua amizade. Nesses 1.8 você se divirta, mas continue crescendo, se tornando melhor a cada dia, como tem sido! Eu te amo muito amiga, Feliz Aniversário!



Beijos a todos!

terça-feira, abril 26, 2011

Vai saber....

Enfim, em Medianeira x.x
E já comecei no ritmo total :) tive prova de química hoje e confesso que pouco estudei (feriadão em casa, né ? *-*) mas até que não foi tão ruim assim a prova (eu espero!) e acho que deu pra garantir a média. E amanhã tem mais duas: Gestão de empresas e Computação 2. Tava estudando gestão agora e sabe aquela matéria pura decoreba ? Então, é assim.. e eu simplesmente não consigo gravar nada. Talvez por isso eu tenha fugido de História e Geografia minha vida inteira :( Mas besteira, amanhã é ir na cara e na coragem x)
Hoje eu to feliz! Sabe.. quando você está feliz só por estar? Quando você devia ta morrendo porque nem tudo está bem e você só queria 'dar um pause' na sua vida e ficar lá, de boa, pensando, sem nenhuma obrigação, relax ... mas você tem que fazer um milhão de coisas por segundo e a cada segundo só aumenta e... Ok. Me empolguei com a imagem. Parei.

Anyway, a vida ta seguindo.. passando.. e ai, o que a gente ta aproveitando ?
Acho que é isso que eu preciso: aproveitar.
Vou aproveitar minha cama agora, bye.

domingo, abril 24, 2011

Tempo:

"Ando com uma felicidade doida consciente do fugaz, do frágil."

(Caio Fernando de Abreu)

sábado, abril 23, 2011

Hollyday!

Dois mil anos depois eu apareço.. é que a vida de faculdade anda muito corrida :( Mas prometo não só postar quando eu voltar ao Rio tá ?
E siim! Eu to no meu Rio de Janeiro lindo, lindo, lindo! ._. Pena que segunda feira eu já tenha que ir embora :( mimimi

Enfim, é só uma atualização mesmo :)
Vou postar um texto que me lembra muuuito o jeito de falar de uma pessoa.. e as vezes até a mim mesma :T
Beijos e FELIZ PÁSCOA!!

ps.: não coma muito chocolate se você for pegar algum voo segunda-feira. Tenha dó dos outros passageiros ;)

"Olhe, não fique assim não, vai passar. Eu sei que dói. É horrível. Eu sei que parece que você não vai agüentar, mas agüenta. Sei que parece que vai explodir, mas não explode. Sei que dá vontade de abrir um zíper nas costas e sair do corpo porque dentro da gente, nesse momento, não é um bom lugar para se estar. (Fernando Pessoa escreveu, num momento parecido, "hoje não há mendigo que eu não inveje só por não ser eu").
Dor é assim mesmo, arde, depois passa. Que bom. Aliás, a vida é assim: arde, depois passa. Que pena. A gente acha que não vai agüentar, mas agüenta: as dores da vida. Pense assim: agora tá insuportável, agora você queria abrir o zíper, sair do corpo, encarnar numa samambaia, virar um paralelepípedo ou qualquer coisa inanimada, anestesiada, silenciosa. Mas agora já passou. Agora já é dez segundos depois da frase passada. Sua dor já é dez segundos menor do que duas linhas atrás. Você acha que não, porque esperar a dor passar é como olhar um transatlântico no horizonte estando na praia. Ele parece parado, mas aí você desvia o olho, toma um picolé, lê uma revista, dá um pulo no mar e quando vai ver o barco já tá lá longe. A sua dor agora, essa fogueira na sua barriga, essa sensação de que pegaram sua traqueia e seu estômago e torceram como uma toalha molhada, isso tudo - é difícil de acreditar, eu sei - vai virar só uma memória, um pequeno ponto negro diluído num imenso mar de memórias. Levante-se daí, vá tomar um picolé, ler uma revista, dar um pulo no mar. Quando você for ver, passou.
Agora não dá mesmo pra ser feliz. É impossível. Mas quem disse que a gente deve ser feliz sempre? Isso é bobagem. Como cantou Vinícius: "É melhor viver do que ser feliz". Porque pra viver de verdade a gente tem que quebrar a cara. Tem que tentar e não conseguir. Achar que vai dar e ver que não deu. Querer muito e não alcançar. Ter e perder.
Tem que ter coragem de olhar no fundo dos olhos de alguém que a gente ama e dizer uma coisa terrível, mas que tem que ser dita. Tem que ter coragem de olhar no fundo dos olhos de alguém que a gente ama e ouvir uma coisa terrível, que tem que ser ouvida. A vida é incontornável. A gente perde, leva porrada, é passado pra trás, cai. Dói, ai, eu sei como dói. Mas passa.
Tá vendo a felicidade ali na frente? Não, você não tá vendo, porque tem uma montanha de dor na frente. Continue andando. Você vai subir, vai sentir frio lá em cima, cansaço. Vai querer desistir, mas não vai desistir, porque você é forte e porque depois do topo a montanha começa a diminuir e o unico jeito de deixá-la pra trás é continuar andando.
Você vai ser feliz.
Tá vendo essa dor que agora samba no seu peito de salto de agulha? Você ainda vai olhá-la no fundo dos olhos e rir da cara dela. Juro que tô falando a verdade. Eu não minto. Vai passar."


(Antônio Prata)

quarta-feira, março 09, 2011

One Day,

Oi gente! :D
Resolvi postar rápido antes de dormir.. to super cansada! Andei o dia todinho hoje no shopping porque foi dia de compras ._. As lojas já estão todas com coleção de Outono/Inverno e eu adoro, porque convenhamos, as roupas de frio são tão lindas! E uma das vantagens de eu estar morando no Sul agora é que lá realmente existe inverno e não essa coisa disfarçada de frio com um pouquinho de chuva que acontece aqui no Rio em meados de julho :) Enfim, comprei um vestido xadrez lindo que eu fiquei apaixonada c.c comprei algumas blusas e duas bermudas. qualquer dia eu mostro foto de look xd Só pra considerar, hoje eu vou dormir feliz.. passei um tempo batendo papo com uma das minhas melhores amigas - e eu conheço só pela net faz uns 5 anos - e matou um pouquinho das saudades que eu to dela! c.c isso me fez sentir saudades da minha outra melhor amiga e de ter nosso grupo unido rindo de coisa besta e só sendo feliz. Anyway, um dia eu conto como e porquê nos tornamos amigas. (yn)

- bye,





terça-feira, março 08, 2011

Pra começar.. Carnaval!

Bom, são quase 4h da manhã da quarta feira de cinzas e ninguém que tem o que fazer da vida está na internet nesse momento. Como eu não tenho o que fazer (só essa semana :[), resolvi fazer um blog que eu, nem de longe, prometo atualizar sempre mas que vou fazer o máximo possível pra postar quando tiver alguma coisa interessante pra falar (ou ñ :B).
Pra começar vou contar minha história triste do carnaval de 2011: a bela aqui resolveu que tudo que podia acontecer com o pé dela iria acontecer no mês de fevereiro, as véspereas do carnaval (e da volta pra minha vida real de universitária no fim do mundo ;~).. e assim passaria o lindo chuvoso carnaval do Rio em casa, ouvindo fogos e gritos da Marquês de Sapucaí (isso mesmo, eu moro tão perto que da pra ouvir daqui!) e comentando os desfiles com meus pais, meus companheiros de folia uhul. Super legal, certo ?

Mas tem problema não, ano que vem tem carnaval de novo e eu vou estar em casa, aqui no Rio (ou na Bahia, se Deus quiser! (yn)) e vou pular, pular, puuuuuuuular até torcer o pé de novo :B   
- bye,




Foto do último dia do Carnaval 2010, Praia de Ipanema, Rio.